Header Ads

ad

Eduardo Braide bem próximo do PR

PRO deputado federal eleito Eduardo Braide, ainda no PMN, já confirmou oficialmente que no dia 30 de janeiro irá anunciar o seu novo partido, ou seja, antes mesmo de assumir o mandato na Câmara Federal.

Braide precisará mudar de legenda pelo fato do PMN não ter alcançado a cláusula de barreira e por conta disso, esses 13 partidos, já que além do PMN também não conseguiram, PCdoB, REDE, Patriota, PHS, DC, PCB, PCO, PMB, PPL, PRP, PRTB, PSTU e PTC, tendem a se fundir ou desaparecer do cenário político brasileiro.

Pela ligação histórica com o PMN, Eduardo Braide buscou até a fusão da legenda, mas como não houve êxito, o caminho será mesmo uma saída, uma vez que se o partido seguir existindo ficará sem horário eleitoral e o fundo partidário.

Braide tem recebido inúmeros convites, incluindo o PSL do presidente Jair Bolsonaro, destino inclusive do outro deputado federal eleito no Maranhão pelo PMN – Pastor Gildenemyr.

Entretanto, como quer ter uma independência no parlamento federal, assim como conseguiu ter no parlamento estadual, a tendência é que Eduardo Braide busque uma outra legenda.

Neste momento, segundo fontes do Blog do Jorge Aragão, a tendência é que Eduardo Braide se filie ao PR, partido que no Maranhão é comandado pelo deputado federal eleito mais votado, Josimar de Maranhãozinho.

Atualmente, o PR é o partido que está mais próximo de anunciar o deputado Eduardo Braide como novo filiado, mas outras duas legendas ainda mantém a esperança de reforçar os seus respectivos quadros com a nova filiação. PSD e PODEMOS ainda conversam com Braide.

A decisão de Braide será fundamental para o desdobramento da disputa eleitoral em 2020, onde o deputado federal eleito surge como um dos favoritos para a disputa da Prefeitura de São Luís. Do blogue do  Jorge Aragão

Nenhum comentário