Header Ads

ad

Caminhada marcou Dia de Combate à Violência e Exploração Sexual na Raposa

Para marcar o Dia Nacional de Combate à Violência e Exploração Sexual contra Crianças e Adolescentes, lembrado em 18 de maio, uma caminhada foi realizada na manhã da última sexta-feira, no Centro de Raposa até a escola Santo Antonio, para chamar a atenção da sociedade. 

O número de casos de violência contra crianças e adolescentes tem aumentado consideravelmente em todo Brasil e, em Raposa, a situação também preocupa mesmo com todo empenho dos meios de segurança. 

Promovida em conjunto entre a Prefeitura de Raposa, Conselho Municipal de Defesa da Criança e Adolescente, Vara da Infância e da Juventude, Conselhos Tutelares, Tribunal de Justiça(Fórum de Raposa), Ministério Público Estadual e Polícia Militar e entidades da sociedade civil, a caminhada visou reforçar a importância de todos os setores da sociedade se unirem para evitar que crianças e jovens sejam vítimas desse crime terrível, que deixa muitos traumas. 
“A caminhada é uma ação para chamar a atenção de todos para um problema que precisa ser denunciado e vencido”, disse a secretária municipal de Assistência Social, Elisia Freitas. A mobilização teve início por volta das 8 horas da manhã na frente do viva capote. Após a execução do hino nacional, os participantes seguiram para escola santo antônio. 

A caminhada, que se encerrou por volta da 9h30. “A caminhada teve esse propósito, de abrir os olhos e esclarecer, levando as pessoas a refletirem, a denunciarem e ajudarem a combater a exploração sexual infantil. A sociedade precisa estar mobilizada para proteger e garantir que nossas crianças e adolescentes tenham seus direitos respeitados”, completou a Presidente do CMDCA de Raposa, Silvelene Evangelista.

Nenhum comentário