Header Ads

ad

Presidente da Câmara de Raposa discute metropolização durante audiência na Assembleia Legislativa

Beka Rodrigues discute metropolização durante audiência na Assembleia Legislativa
O presidente da Câmara Municipal de Raposa, vereador Beka Rodrigues (PC do B), participou, na tarde desta terça-feira (30), na Assembleia Legislativa, de uma ampla discussão sobre o processo de metropolização, durante audiência pública coordenada pelo deputado Dr. Yglésio (PDT), que é o presidente da Comissão de Assuntos Municipais e Desenvolvimento Regional daquele parlamento. 

Em seu pronunciamento, Beka Rodrigues afirmou que a metropolização é um antigo anseio dos municípios da Ilha e das demais cidades que compõem a Região Metropolitana. 
“A metropolização entrou na pauta política em 1989, 30 anos atrás, por ocasião da promulgação da atual Constituição do Estado, através do então deputado Francisco Martins, que a adicionou nos Atos das Disposições Transitórias. Portanto, já são três décadas e nada se concretizou”, afirmou o parlamentar. 

Beka afirmou que são muitos os problemas existentes na Raposa, que já poderiam ter sido sanados, caso a metropolização já tivesse sido materializada. Ele cita, como exemplo, a questão da ocupação do Cumbique, cujo processo de georreferenciamento está sendo concluído, a seu pedido, pelo Incra. “Quando foi realizado o trabalho de redivisão territorial, através do IMESC, Raposa perdeu metade do Cumbique para Paço do Lumiar. 

Isso tem de ser revisto e esse processo de metropolização é o fórum adequado”, afirmou Beka, ao parabenizar o deputado Dr. Yglésio pela iniciativa de reacender a chama da metropolização. 

JORGE PONTE SE MANIFESTA 
Também presente ao evento, o vereador Jorge Ponte da Arlete também se manifestou favorável à metropolização, destacando que esse é um assunto que deve ser a preocupação dos gestores de todos os municípios envolvidos. Ele lembrou que são muitos os problemas de infraestrutura enfrentados pela comunidade de Raposa, principalmente durante as marés de sigízia, quando ocorrem alagamentos em várias partes da cidade. 
No entendimento dele, a metropolização vai possibilitar que os municípios se ajudem, principalmente agora, quando se sabe da vontade do governo do Estado e estabelecer esse projeto de uma vez por todas,

Nenhum comentário