Header Ads

ad

População de Bela Vista do Maranhão terão que ir às urnas eleger novo prefeito e vice

Eleição acontece após Orias e Vanusa terem sidos cassados pelo TSE.
Dia 12 de janeiro o povo bela-vistense irá as urnas.
Os eleitores da cidade de Bela Vista do Maranhão serão os primeiros maranhenses a irem as urnas em 2020. Conforme o Blog já destacou, os belavistenses serão obrigados a irem as urnas duas vezes neste ano e elegerem dois prefeitos num único ano.

O absurdo acontecerá pela falta de celeridade da Justiça Eleitoral, já que só depois de três anos da eleição, em 2016, o prefeito Orias de Oliveira Mendes e a sua vice-prefeita Vanusa Santos Moraes, foram definitivamente cassados por abuso de poder político e econômico nas eleições municipais de Bela Vista do Maranhão.

Por conta da demora absurda, somente em novembro de 2019, o Tribunal Superior Eleitoral determinou a realização de novas eleições, que acontece agora dia 12 de janeiro, para um mandato tampão.

A postura da Justiça Eleitoral tem feito alguns políticos acreditarem que o crime compensa, já que ganham a eleição, mesmo que ilicitamente, e governam a maior parte do tempo, justamente pela falta de celeridade nos julgamentos.

Para a eleição do próximo dia 12, segundo apurou o Blog, os eleitores de Bela Vista terão que escolher entre Danielzinho (PSB), Gil Farma (MDB) e Augusto Filho (PSDB), que disputou a última eleição e acabou sendo prejudicado pelos abusos cometidos por quem venceu o pleito em 2016.

Só vale lembrar que, além do transtorno para os eleitores de Bela Vista – que irão duas vezes as urnas em 2020, as despesas das duas eleições neste ano serão custeadas com dinheiro público, ou seja, com o dinheiro da população.

Nenhum comentário